PROTEUS EDUCAÇÃO PATRIMONIAL

PROTEUS EDUCAÇÃO PATRIMONIAL



BLOG VOLTADO PARA A PRESERVAÇÃO DO PATRIMÔNIO CULTURAL - 16 ANOS NO AR

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

EDUCAÇÃO PATRIMONIAL - UMA VISÃO


UMA VISÃO INTERESSANTE...


“Até agora repousávamos tranquilamente na noção de tempo regida pelo império do passado. Todo o esforço de memória remetiam irremediavelmente para um acervo, ou um armazém, de coisas placidamente colecionadas. Agora, se nos permitirem, vamos até desejar e imaginar uma memória do futuro. Isto significa que o tempo deixou de ser um corte sincrônico apenas, onde o passado possa imperar, mas ele vem a existir como uma estrutura unitária onde se dão por igual o presente, o passado e o futuro.”

 ( Ministro da Educação e Cultura Eduardo Portella na Publicação do IPHAN N.º 5 – PróMemória Presidente toma posse no MEC. Março/abril 1980. Pág.7)


"Quem está próximo do bem cultural ou o produz, é, verdadeiramente, quem deve cultivá-lo. É preciso, nesse sentido, criar canais adequados e formas que assegurem a efetiva participação da comunidade nas decisões e no trato dos problemas afetos à produção e preservação cultural de modo a favorecer a preconizada distribuição de responsabilidades entre todos os envolvidos (organismos de poder público, entidades privadas e, sobretudo, da população). É fundamental, pois, que se busquem meios para que a comunidade possa deter não só o uso e o benefício, mas também o gerenciamento e a preservação, com o apoio dos órgãos competentes para efetivação deste trabalho."

(Diretrizes para Operacionalização da Política Cultural do MEC" Elaborado durante o seminário realizado em Brasília, de 31 de agosto a 2 de setembro de 1981)

Nenhum comentário:

Postar um comentário