PROTEUS EDUCAÇÃO PATRIMONIAL

PROTEUS EDUCAÇÃO PATRIMONIAL



BLOG VOLTADO PARA A PRESERVAÇÃO DO PATRIMÔNIO CULTURAL - 16 ANOS NO AR

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

EDUCAÇÃO PATRIMONIAL - PASSO A PASSO PARA REALIZAÇÃO DE ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL

PASSO A PASSO PARA REALIZAÇÃO DE ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL

Fonte: Caderno Diretrizes para a Educação Patrimonial - IEPHA/MG, Fevereiro de 2009. 
Disponível em:http://www.iepha.mg.gov.br/component/docman/cat_view/23-legislacao/32-apostilas-e-diretrizes. Acessado em 16 de dezembro de 2009.





Realização das atividades:

  • Definição e planejamento das atividades /etapas em um cronograma.
Ou seja: defina o que fazer, como fazer, onde fazer, quem vai coordenar a atividade, quem vai fazer a atividade e quando vai fazer.
Exemplo:      

O que fazer?
Como?
Onde?
Quem vai coordenar?
Quem vai fazer?
Quando?
Conhecer o patrimônio cultural local.
Visita Guiada e trabalhos de pesquisa utilizando folha  didática.
Igreja Matriz.
Professores.
Alunos das escolas.
Fim de semana.

  • Se for o caso, defina coordenadores para cada tipo de atividade/etapa para facilitar o desenvolvimento do projeto.
  • A cada etapa/atividade do projeto, faça uma avaliação dos resultados em conjunto com os parceiros/multiplicadores.
  • Sempre há a possibilidades de substituir ações ou incluir novas, assim como a inclusão de novos parceiros e aliados.
  • Esteja sempre aberto a novos parceiros que possam ajudar a desenvolver as atividades de educação patrimonial ou que tragam novas contribuições ou mesmo novas ações complementares.

 Modelo de cronograma:

CRONOGRAMA
MÊS/ANO
ATIVIDADE/
FASE
MÉTODO/
TÉCNICA
TEMPO E OBJETIVO
AVALIAÇÃO












Sétimo Passo: Conclusão dos trabalhos e definição de novas etapas.

  • Concluir os trabalhos com uma grande exposição dos produtos do projeto envolvendo toda a comunidade.
Ex.: Exposições em praças e /ou rua, de trabalhos de artes plásticas, escultura, músicas, danças locais/regionais, trabalhos desenvolvidos no projeto em conjunto com feira de comidas e bebidas típicas.


A organização de uma exposição – orientação básica:
-          A disposição do que se quer expor deve ser clara para facilitar a observação.
-          A estrutura da exposição deve evitar a poluição visual. Deve ser discreta.
-          Se expuser peças, mantenha-as ao nível da cintura de um adulto ou se o público preferencial for crianças, devem ser mais baixas.
-          Utilize, se possível, cores discretas no material de apoio dos objetos/peças.
-          Os objetos expostos devem conter fichas de identificação legíveis e em local visível. Deve conter o título do objeto exposto e a autoria. Poderá, dependendo do caso, conter informação sobre o material utilizado para sua confecção.
-           
       (fonte consultada: ARAUJO, Francisco César de. Os Espaços da Memória conceitos e procedimentos para o trabalho da história no ciclo de alfabetização, janeiro de 2000.)

  • Faça uma reunião com os parceiros/multiplicadores para uma avaliação geral do projeto e definição de sua continuidade.

Lembre-se: Educação Patrimonial deve ser uma atividade permanente.




Nenhum comentário:

Postar um comentário